A regra é clara: aceita que dói menos. Pabllo Vittar , que conquistou seu lugar no cenário musical, jogou na cara da tradicional família brasileira sua voz aguda, o cabelão e um recado: vão ter de engoli-lo(a) durante muito tempo - Owzado

30 de outubro de 2017

A regra é clara: aceita que dói menos. Pabllo Vittar , que conquistou seu lugar no cenário musical, jogou na cara da tradicional família brasileira sua voz aguda, o cabelão e um recado: vão ter de engoli-lo(a) durante muito tempo

A drag queen de apenas 22 anos tem um passado de pobreza e olhares tortos. Quando se “apresentava” na calçada de chão batido, no bairro de Cangalheiro, na periferia de Caxias, no interior do Maranhão, Phabullo Rodrigues da Silva sofria preconceito: “As pessoas riam dele dançando na porta de casa. Agora querem pedir foto, dizem que o conhecem”, revela a prima.


( Foto: reprodução )